Marketing jurídico: aprenda como fazer!

Para acompanhar e manter sua imponência perante as mudanças do mercado, muitos escritórios de advocacia tem recorrido a métodos empresariais – planejamento de estratégias, ferramentas de gestão, assistência publicitária, marketing jurídico, entre outros – como uma alternativa para elevarem sua lucratividade, fidelizar clientes e conquistar novos contratantes.

Dentre as estratégias citadas um grande destaque tem se direcionado para o marketing jurídico. Por ser considerado a forma mais adequada de fortalecer a imagem do advogado no meio digital. Sem ferir o código da profissão, garantindo uma vantagem competitiva. Mas para falarmos de marketing jurídico é preciso se ter em mente algumas informações.

Contrate o serviço adequado

A rotina de um escritório de advocacia é não algo simples. Com um grupo profissional trabalhando no limite para a conquista de melhores resultados, o dia a dia torna-se uma correria. Portanto deixar o marketing digital jurídico por conta dos advogados da equipe é o primeiro grande erro cometido por alguns lugares. Afinal essa tarefa deve ser responsabilidade de profissionais daquela área.

Somente alguém especializado em marketing terá a consciência de estar tomando as medidas corretas. Se seus benefícios serão de curto ou longo prazo, em que pontos devem ser dedicados um maior esforço, e onde ações desnecessárias não proporcionarão nenhum retorno. Citando a famosa frase “a César o que é de César”, compreendemos a importância de que cada tarefa seja encarregada a quem lhe cabe. Dessa forma cada atividade será executada com específica eficácia. E cada setor do escritório poderá se voltar ao que lhe importa.

Homem sentado em frente a um computador.
A internet modificou a forma como as pessoas buscam por informação hoje em dia.

Ferramentas de distribuição

A internet modificou de maneira significativa a forma como as pessoas buscam por informação hoje em dia. Portanto escolher em que plataformas você irá atuar e a forma como será feito é determinante para a atuação do marketing, e aqui temos subtópicos:

Formulação de um conteúdo útil

Escreva artigos e contribua com matérias de assuntos jurídicos de interesse popular. Dessa forma, quando alguém fizer uma pesquisa sobre determinado tópico irá encontrar seu nome. Esse é um diferencial inovador e eficaz na maneira de captar clientes. Afinal os leitores deste conteúdo são contratantes em potencial.

Possua um site atualizado

Depois que já se tem um conteúdo produzido em mãos a dúvida é “onde publicá-lo?“. Atuar em sites diversos garante que um público amplo – e até mesmo mais diversos- seja atingido, mas investir em um site próprio permite a inserção de links direto que levam os leitores até uma plataforma só sua.

Tenha uma página na internet para postagem de um conteúdo próprio, assim tudo aquilo que for de sua autoria estará centralizado em um lugar só. Certifique-se também de manter o site atualizado, dessa forma você irá atrair um público de leitores disposto a acompanhar seu trabalho.

Invista em vídeos

Pesquisas indicam que o Brasil está no top 10 países que mais consomem conteúdo em formato de vídeo online do mundo. Investir na produção de vídeos pode ser uma boa alternativa para disseminar seus conhecimentos. Escolha um tópico relevante, trabalhe em um bom texto, ligue a câmera e dê o melhor de si.

Área de atuação

Ainda no quesito dividir para encarregar, é necessário que exista uma definição dos assuntos que serão abordados pelo advogado ou escritório. Em suma saber em qual assunto você se destaca garante que seja dedicado um empenho em algo que trará um retorno. Portanto se seu escritório tem propriedade em Direito do Consumidor foque nessa linha, encontre recorrências dentro dessa área e escreva artigos.

Faça publicações esclarecendo as principais dúvidas, e torne-se referência no assunto. Dessa forma tanto os profissionais do meio jurídico quanto o público contratante, terão seu nome em mente associado aquele tópico.

Reconheça seu público-alvo

Produzindo um conteúdo relevante sobre temas jurídicos para compartilhar na internet e transmitindo informações exclusivamente informativas. Com o objetivo de atrair e conquistar uma nova clientela, o escritório de advocacia se destaca no mercado. Mas para atingir o potencial de captação oferecido pelo marketing jurídico é importante que se foque a todo momento a quem seu texto é direcionado. Como os artigos visam ser lidos por possíveis clientes é preciso que a linguagem seja simples e objetiva. Não escreva para outros advogados, mas sim para contratantes em potencial.

Dois empresários analisando dados no marketing jurídico.
É fundamental que ocorra um acompanhamento de cada estratégias.

Código de ética

Esse é possivelmente o tópico mais importante ao se trabalhar com marketing jurídico. Sendo também a questão com que os advogados e escritórios enfrentam maiores problemas. O Estatuto da Advocacia, o Código de Ética e seus Provimentos regulam o exercício da advocacia. E impõem limitadores na publicidade e propaganda dos serviços oferecidos.

De forma ampla, o código diz que a publicidade deve ser moderada, discreta e informativa. Pois exercício da advocacia não deve ser mercantilizado. Nesse campo, mesmo que estude o básico do código de ética da profissão antes de criar as estratégias de marketing para o escritório, é comum que os advogados cometam erros.

As bancadas consolidadas, que se preocupam muito mais em manter a imagem e tradição. Em geral, não enxergam muitos problemas nas restrições ao marketing impostas pelo Código de Ética e Disciplina. Não existe um apelo para aquisição de novos clientes. Por outro lado as novas bancas costumam encarar a norma como uma desvantagem competitiva. Nesse quesito os softwares auxiliam os escritórios de advocacia dando suporte para que esses possam atuar de forma ativa. Sem infringir o Código de Ética da OAB.

O sistema SAJ ADV além de gestão para o escritório de advocacia software, e oferecer aprimoramentos que levam a empresa a obter sucesso contam também um suporte muito rico em questões de marketing. Que inclui métricas de curto, médio e longo prazo. Além disso essas que consideram todas as ações desde Redes Sociais, SEO, Marketing de Conteúdo, entre outras.

Acompanhe o desempenho

Enfim, depois de seguir essas dicas e colocar em prática as ações de marketing, é fundamental que ocorra um acompanhamento frequente de cada estratégias que está sendo aplicada. Portanto recorra à análise de dados, verifique onde precisam ser feitas algumas melhorias. Onde o esforço está sendo gasto sem resultados, e onde é necessária uma maior dedicação. Com tudo isso em mãos fica fácil garantir o sucesso do seu negócio. Ah! E não se esqueça que uma boa dica é ter um software de gestão jurídica para lhe ajudar a mensurar resultados e gerenciar seu escritório.

Imagens: Desempenho, computador.